* DÁ FORMA A UM ESTILO DE VIDA SAUDÁVEL *

A terceira meia maratona é já amanhã!

Processed with VSCOcam with f2 preset

Ando a escrever com pouca regularidade e a perguntar-me muitas vezes porquê. Os temas mais rápidos de partilhar são as receitas de sumos e, mais ultimamente de bolos (saudáveis) mas, como quero intercalar com outras temáticas que requerem mais tempo de pesquisa, análise e investigação, este último objetivo está a ter um efeito bloqueador à intenção de escrever regularmente.

As partilhas no Instagram são as mais regulares (fica a nota para os que ainda não conhecem :-)), seguidas da página de Facebook. No final, mas não menos importante, vem o blog, a razão de existência das partilhas nas redes sociais.

Voltando ao tema que hoje me trás aqui que, a seguir à alimentação, me dá maior entusiasmo escrever, o exercício fisico, neste momento e mais especificamente, a corrida, estou a menos de 24h da terceira meia maratona e confesso que, como já tem vindo a ser habitual, sinto-me bastante entusiasmada com mais esta experiência que se aproxima.

Quando me ponho a pensar que há cerca de um ano e meio achava que corrida um desporto de moda e não percebia o seu propósito, e que há pouco mais de seis meses não tinha a mínima intenção de participar em provas como meias maratonas, hoje consigo identificar um objectivo racional, a superação pessoal e outro emocional, a adrenalina que se vive com o aproximar da prova, durante e no final da mesma, como propósitos válidos que levam à sua realização.

Foram 12 treinos focados na prova, com o objectivo de a fazer em menos de 2h. A última “meia” foi feita em 2’04”. Vamos ver se amanhã consigo terminá-la, nem que seja, em 1’59”.

Como das últimas vezes, a alimentação está  a ser cuidada, os saltos altos foram eliminados há umas semanas, os alongamentos têm sido feitos diariamente, a água não tem sido descurada e o vinho bebido em quantidades mínimas. Diria que o descanso, traduzido em horas de sono, terá sido a parte menos bem “trabalhada”.

Ao longo do dia de hoje, além do descanso do corpo (não houve corrida), de 8 horas de aulas de mestrado (nutrição clinica) e  da especial atenção ao que como, vou tentar reler alguns dos posts que escrevi no passado antes e a seguir às meias maratonas com forma de motivação, e mais algumas partilhas de experiências de outras pessoas que adoram correr.

Ao final do dia farei uns alongamentos, prepararei a roupa, o dorsal e os documentos a levar, voltarei ao site da prova para verificar o ponto de partida e ver como lá chegar e, por fim, irei obrigar-me a deitar cedo.

Termino esta partilha desejando muito boa sorte a quem também amanhã vai ter a oportunidade de olhar para cima e ver a espetacular estrutura da ponte, desta vez sem um vidro pelo meio, e a quem no momento da chegada irá poder tirar uma fotografia à ponte, deste vez já de longe, e pensar “eu hoje já estive ali” com a sensação de dever cumprido!

IMG_9500

Hoje, Dia do Pai, dedico este post e a maratona de amanhã ao meu marido, Pai dos meus filhos, que mais puxa por mim diariamente, não só mas também, na corrida, que por questões de saúde foi obrigado a parar de correr.

It’s Up to You!

Raquel

 

 

[EN]

THE THIRD MARATHON IS ALREADY TOMORROW!

I’ve been writing infrequently and I often ask myself why. The fastest topics to share are juice recipes and, more lately, cakes (healthy ones) but, since I want to intersperse with other topics that require more time to research, analyze and investigate, this ultimate goal is having a blocking effect to the intention of writing regularly.

The Instagram posts are more regular (note for those who still don’t know it 🙂 ) followed by the Facebook page. At last but not least, comes the blog, the reason of existence of the posts on social networks.

Returning to the topic that brings me here today that, after food, gives me the most enthusiasm to write about, physical activity, at this moment more specifically running, I’m less than 24 hours of the third marathon and I confess that, as have been usual, I feel quite excited over this experience that approaches.

When I start thinking that about a year and half ago I thought that running was a “in” sport and I didn’t get its purpose, and that for about less more than six months I had no intention of participating in events such as half marathons, today I can identify a rational objective, the personal development and other emotional, the adrenaline that lives with the approaching of the race, during and at the end of it, as valid purposes that lead to its achievement.

There were 12 trainings focused on the race, in order to make it in less than 2 hours. The last “half” was made in 2’04’’. Let’s see if tomorrow I can finish it, in at least, 1’59’’.

As it has been the last times, food is being cared for, high heels were eliminated a few weeks ago, stretches have been made daily, water has not been neglected and wine has been drunk in small amounts. I’d say that resting, translated into hours of sleep, has been the less well “worked” part.

Throughout today, beyond the body resting (there was no running), the 8 hours of Master’s Degree classes (Clinical Nutrition) and the special attention of what I eat, I’ll try to re-read some of the posts I wrote in the past before and after the half marathons as a form of motivation, and a few more shares of experiences of other people who love to run.

At the end of the day I’ll do some stretching, prepare the clothes, race bib and documents to bring, I’ll get back to the place of the race to check the starting point and see how to get there and, finally, I will force myself to get to bed early.

I end this sharing wishing good luck to whom also tomorrow will have the opportunity to look up and see the spectacular structure of the bridge, this time without a glass in the middle, and who at the time of arrival will be able to take a photograph of the bridge, this time by far and think “today I’ve been there” with the feeling of accomplishment!

 

Today, Father’s Day, I dedicate this post and tomorrow’s marathon to my husband, Father of my children, who prompts for me every day, not only but also at the race, which he was forced to stop running for health reasons.

It’s Up to You!

Raquel

2 thoughts on “A terceira meia maratona é já amanhã!”

  1. Sofia Real diz:

    Boa sorte !!!! Vai de certeza correr super bem!!! Não há dúvida que estás mais que preparada e que a tua força e determinação te vão ajudar mais uma vez nesta prova!! Beijinhos

    1. Raquel Fortes diz:

      Muito obrigada Querida Amiga Sofi <3! Bjs grandes

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

code