* DÁ FORMA A UM ESTILO DE VIDA SAUDÁVEL *

Legumes e vegetais, um “gosto obrigatório”?

image

19/10/2014

Hoje, com os dias que “voam” e o tempo que nos “foge”, ideal será termos uma Alimentação saudável, prática e cheia de sabor.

Devemos por isso definir a nossa estratégia diária para assegurar o “stock” do que é essencial e que por isso, não deve falhar:

– legumes e vegetais frescos ou congelados, ervas aromáticas e especiarias (salsa, coentros, hortelã, manjericão, orégãos, alecrim, tomilho, caril, canela, açafrão, etc.);

– frutas frescas e congeladas;

– carne, peixe, ovos, leite e iogurte ou equivalentes alternativos (ex. bebida de amêndoa, arroz ou coco), arroz, massa batata (doce! Sem dúvida a melhor!);

– grão, feijão, ervilhas, lentilhas, azeite, frutos secos, sementes diversas;

– e para adoçar, o melhor aliado, chocolate preto com pelo menos 70% de cacau.

Se para alguns o consumo de legumes e vegetais é um prazer espontâneo, para outros será uma necessidade na demanda por uma Boa saúde! Em boa verdade são fonte de fibra, vitaminas e sais minerais, indispensáveis para um corpo Activo e Bem nutrido.

Haverá forma de os tornar mais apelativos e torná-los o elo mais forte da nossa Alimentação diária? Claro que sim!

Este grupo alimentar, incluindo as frutas, que ocupa o 1º lugar no pódio dos alimentos, pode ser uma Boa surpresa quando confecionados com perspicácia e criatividade. A ideia que muitos de nós associa ao seu consumo, normalmente cozidos, satura e desgasta um paladar que pode até ser muito interessante e delicioso. Importante é experimentar e repetir a experiência porque também se aprende a gostar!

Surpreenda-se com as dicas que vamos partilhar durantes os próximos dias e chegar facilmente à conclusão que podemos gostar de legumes e vegetais sem a imposição do “sentido obrigatório”. Caberá a si decidir caminhos alternativos!

It´s UP to you!

Joana Ávila _ Nutricionista

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*

code