fbpx
* DÁ FORMA A UM ESTILO DE VIDA SAUDÁVEL *

Maratona de Amesterdão: como tudo começou!


Não era para ter sido em Amesterdão, mas como nada acontece por acaso, um casamento marcado para o fim-de-semana que ia ser a nossa prova, fez-nos antecipar o dia da verdadeira superação numa prova como a maratona!

A “viagem” começou ainda sem destino certo no inicio de 2019 quando decidi que ia fazer, ao contrário do que inicialmente tinha planeado, uma em vez de duas maratonas em 2019. Como já se dizia no antigamente “pouco mas bom”.

A preparação teve inicio no final do mês de Março quando co-organizei um workshop de coaching desportivo com a Mental Sports Coaching Sónia Branco Martins, de onde saí com um objetivo muito bem definido na minha cabeça e a saber quais os passos a percorrer para o atingir: fazer a próxima maratona abaixo das 4h. Assumir um objetivo de tempo como este foi como levar um murro no estômago. Quem me conhece sabe que eu levo a corrida de uma forma muito “user friendly” sem ligar a tempos e mais interessada em viver uma boa experiência de forma acompanhada.

Maratona de Amesterdão

Falta de companhia nunca tive na hora de ir treinar, afinal de contas tenho um marido que antes de eu existir na sua vida, já gostava de correr, e em que só tive de me esforçar em convence-lo a fazer maratonas. Mas assim que ganhou gosto não quer outra coisa :-).

O primeiro e segundo passos estavam dados. Já havia um objetivo bem definido e também já andávamos a fazer reforço muscular de forma regular desde o início do ano. Faltava o terceiro passo, encontrar um treinador que estivesse 100% disponível para acompanhar-nos nessa nossa aventura.

Maratona de Amesterdão

Lembrei-me de ir falar com a pessoa que me tinha ajudado a treinar para a primeira meia maratona, que desde então tem vindo a acompanhar a evolução das minhas prestações em provas e, uma vez em conversa sobre como melhorar tempos, me disse “quando quiseres bater records fala comigo. Mas é preciso querer (mesmo) – primeira lição de sports mental coach :-)”. Essa mensagem ficou-me na cabeça e esse dia chegou!

Como não gosto de percorrer caminhos, nem curtos nem longos, sozinha, da conversa que tivemos sobre planos de treinos para diferentes objetivos surgiu uma parceria muito gira de ajudarmos outras pessoas a correrem mais rápido, ou a começarem a correr, ou passarem a correr mais e a andar menos, a fazerem os seus primeiros 5kms de corrida sem parar, e até, como foi o meu (nosso) caso, esmagar records pessoais.

Maratona de Amesterdão

Neste momento já sei que estão super curiosos em saber quem é a pessoa. Chama-se Pedro Vieira, foi meu colega de faculdade, como tal, é da área do Marketing e Publicidade, adora correr, já fez variadíssimas provas de corrida, de triatlo e Iron Man, inclusivamente no Havai, e foi desafiado por mim a ajudar mais pessoas, além de mim, a atingirem um qualquer objetivo que tenham, cujo o treino é “desenhado” à sua medida.

Maratona de Amesterdão

Por isso já sabem, se querem muito treinar para um objetivo, encontram aqui a parceria certa. O Pedro trata dos planos de treino e eu alimentos as good vibes (only). Estive à espera de perceber o que se ia acontecer comigo na Maratona de Amesterdão para poder afirmar com toda a segurança que esta parceria é um binómio vencedor. Correr com foco na meta sempre com as good vibes lá em cima é possível!

It’s Up to You!

Raquel

Nota: Como este post já vai longo, partilharei mais à frente, como correu a preparação para a prova e o dia D.

Deixe uma resposta